Acolhimento com Classificação de Risco tem início no Hospital Regional (HRVR/CONSAÚDE)

Entra em vigor a partir de hoje nova forma de classificação da ordem de atendimentos na porta da unidade

Com o objetivo de atender de forma adequada e tornar o serviço de saúde mais dinâmico em relação a grande demanda de pacientes e usuários diários que chegam ao Pronto Atendimento do Hospital Regional Vale do Ribeira, localizado em Pariquera-Açu/SP, entrou em vigor no dia 1º de dezembro o Acolhimento com Classificação de Risco.

O novo protocolo, baseado nas determinações do Ministério da Saúde, tem como eixo principal priorizar o atendimento dos pacientes que chegam à “porta” da unidade levando em consideração seu estado de saúde ou gravidade em que se encontra, e não por ordem de chegada. Ou seja, quem estiver em estado mais grave será atendido primeiro.

Em diversas unidades públicas de saúde do Brasil, o protocolo vem sendo utilizado com sucesso, mas sempre buscando uma melhor conscientização de pacientes, familiares e dos colaboradores do serviço de saúde envolvidos.

Com picos de atendimento que chegaram em até 130 consultas no pronto atendimento em um só dia, o Hospital Regional Vale do Ribeira, unidade de referência da região, tem enfrentado períodos de grande lotação de sua porta de entrada, o que trouxe a necessidade de reorganizar o atendimento pela nova modalidade que leva em consideração o risco de vida ou estado de saúde dos pacientes.

Para melhor orientar os usuários do Sistema Único de Saúde na região, as diversas enfermidades e estados de saúde integram um quadro de gravidades, divididos por cores, do vermelho (mais grave) ao azul (mais brando).

Segundo Thiago Faustino, enfermeiro responsável pelo novo protocolo, as perspectivas são positivas para a implantação da nova classificação por gravidade.

“Pelo trabalho de conscientização realizo junto ao corpo de funcionários e em conjunto com a divulgação a opinião pública nos meios de comunicação, acredito que a mensagem foi perfeitamente compreendida por todos. Contamos com a colaboração dos habitantes do Vale do Ribeira para que compreendam a necessidade de colocarmos em uso esta nova modalidade de atendimento, uma vez que prioriza os pacientes em estado mais grave, mas não esquecendo de atender os demais pacientes, porém todos em sua devida ordem de classificação,” destaca o profissional.

Para obter mais informações do novo protocolo de Acolhimento com Classificação de Risco entre em contato com a Ouvidoria do CONSAÚDE (0800 770 9692) ou através do balcão de informações na recepção do Hospital Regional (HRVR/CONSAÚDE).