CONSAÚDE/ABA realizaram aproximadamente 30 mil atendimentos ambulatoriais desde sua parceria, em Apiaí

Em sua primeira reunião do ano, o CONSAÚDE (Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ribeira), através de sua diretora superintendente Maria Cármen Amarante Botelho e de seu presidente e prefeito de Apiaí, Emílson Couras da Silva, reuniu-se com o recém eleito presidente da filantrópica, João Agripino dos Santos, gestão 2010/2011 da ABA (Associação Beneficente de Apiaí), dia 19 de janeiro, no paço municipal de Apiaí. Desde sua chegada, o CONSAÚDE/ABA realizaram 1894 internações e 29.992 atendimentos ambulatoriais, números que incluem SUS e convênios.

Na pauta do encontro, uma breve apresentação entre os representantes das instituições, um balanço da situação atual do hospital e as mudanças ocorridas até então pela parceria firmada entre o Consórcio e a ABA. Segundo o novo presidente da ABA, Janguito, carinhosamente chamado na região, toda mudança requer tempo e pode beneficiar a todos. “É necessário ações como estes encontros para sabermos e organizarmos as questões administrativas. Todas as mudanças que acontecem na vida podem ser traumáticas, sendo dever de todos tratar as coisas com humanidade. As melhorias vindas com o CONSAÚDE são evidentes e foi muito rica a reunião.”

Nos meses de janeiro e fevereiro, o CONSAÚDE colocou em prática a informatização do SAME e da Farmácia Interna – para a ágilizar dados e estatísticas, além das distribuição das medicações. Soma-se a isso, a implantação de câmeras de segurança nos acessos externos, para viabilizar uma maior segurança à unidade.

Logo depois, à tarde, os representantes realizaram entrevista, em forma de bate-papo, na rádio Cidade de Apiaí, onde foram recepcionados pela equipe da emissora. A entrevista reuniu pela primeira vez os presentes em uma transmissão radiofônica, que contaram um pouco da história do hospital Dr. Adhemar de Barros, os desafios encontrados por ambas as entidades neste período de transição, assim como as inúmeras melhorias advindas com o gerenciamento do Consórcio. Todos os entrevistados foram unânimes em concordar com a melhoria do atendimento e surgimento de novos serviços na região. Além de lembrarem à população do Alto Vale que o atendimento fornecido pelo SUS (Sistema Único de Saúde) é gratuito a todos que procurarem o hospital, sendo proibida a cobrança de valores.