Conselho de Prefeitos do CONSAÚDE discute reajuste salarial de funcionários

Prefeitos do Comitê Executivo assinaram termo em caráter de urgência com o objetivo de realizar agenda junto ao secretario de saúde para discutir reajuste salarial de todos os funcionários do Consórcio

O Conselho de Prefeitos do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ribeira, realizado dia 26 de junho em Pariquera-Açu/SP, teve a participação de doze municípios e foram discutidas diferentes pautas, entre elas os contratos de rateio de 2013, os balancetes dos primeiros meses de 2012 e anunciada a doação de mais de 500 itens em materiais sanitários para economia de água, resultado da parceria entre a Sabesp e o Consórcio quanto ao Projeto Pura, firmado ainda em 2011 na época do seu então superintendente Irineu Yamashiro – o objetivo do Programa de Uso Racional da Água é trazer economia do recurso e o correto uso do mesmo no Hospital Regional Vale do Ribeira. Porém, o grande debate do dia foi a questão do reajuste salarial dos funcionários do CONSAÚDE.

A situação que já vinha definida e acordada por todos os lados da negociação deparou-se com um impasse após semanas de reuniões e encontros entre o SindSaúde, o Sindicato dos Médicos, o CONSAÚDE e a Secretaria de Estado da Saúde (SES) referente a questão salarial e ao reajuste dos funcionários. Na oportunidade foi apresentada aos prefeitos a situação atual : os recursos enviados pela Secretaria atendem as reivindicações somente da região do Vale do Ribeira e não contemplam, até o momento, os funcionários do Hospital Regional de Itanhaém – o que impediria por lei a concessão do reajuste.

Segundo a diretora superintendente do CONSAÚDE, Maria Carmén, “o objetivo da reunião era contemplar uma resolução que englobasse o aumento de salário dos trabalhadores, porém o Comitê de Prefeitos decidiu que esta decisão seja tomada em reunião a ser realizada na semana que vem, em caráter de urgência. O CONSAÚDE e os prefeitos estão bastante empenhados quanto a esta situação. Desejamos sempre fortalecer este apoio político e buscar uma solução sobre o Hospital de Itanhaém para então procedermos com a liberação do reajuste.”

A iniciativa do Conselho de Prefeitos é resultado da necessidade de fortalecer politicamente a região quanto as demandas da saúde e resolver este impasse de maneira mais concreta com a intenção de trazer o aumento salarial aos trabalhadores das duas regiões.

A proposta dos prefeitos foi de realizar gestões junto ao deputado estadual da região e líder do governo, Samuel Moreira, e a Secretaria de Estado da Saúde com o objetivo de resolver a situação da falta de recursos para a unidade de Itanhaém/SP, para então realizar um encontro até o dia cinco (5) de julho, data limite, quando será votado pelo Conselho de Prefeitos o reajuste salarial de todos os trabalhadores.

A data para o novo Conselho de Prefeitos ainda não foi definida, pois depende do andamento da situação junto ao governo do Estado e de como será a resposta da Secretaria de Saúde.