Dia da Enfermagem no HRVR-Consaúde

Regional – A diretoria do HRVR-Consaúde prestou homenagem especial à equipe de enfermagem que estava em plantão na segunda 12, pela passagem do Dia do Enfermeiro. A superintendente do Consaúde, Maria Cármen Amarante Botelho, destacou a competência dos profissionais de Enfermagem que trabalham no HRVR,-Consaúde: “São profissionais dedicados, que gostam do que fazem, se esforçam em trazer para o HRVR as mais modernas técnicas de Enfermagem e são os responsáveis, junto com os demais profissionais, pelo reconhecimento estadual da alta qualidade do atendimento do Hospital”, homenageou ela.
O diretor técnico do HRVR-Consaúde, Roberto Vilanova, destacou a importância do profissional de Enfermagem em um Hospital: “O Hospital depende que os enfermeiros e médicos trabalhem em conjunto. São pessoas que ajudam muito o HRVR-Consaúde a ser o que é hoje. Elas se dedicam no dia-a-dia, ajudam nos treinamentos aos auxiliares e não poupam esforços para atender os usuários da melhor maneira possível”, homenageou.
O Dia do Enfermeiro , celebrado em 12 de maio, partiu do Decreto 2.956, assinado por Getúlio Vargas. Nesta data, são prestadas homenagens especiais à memória de Ana Neri, em todos os hospitais e escolas de enfermagem do País. Ana Justina Ferreira Neri (1814- 1880) foi a pioneira brasileira da enfermagem, considerada a Matriarca da Enfermagem no País.
História – Ana Néri rompeu preconceitos
(Texto extraído do site do Conselho Regional de Enfermagem ( Coren))
Aos 13 de dezembro de 1814, nasceu Ana Justina Ferreira, na Cidade de Cachoeira, na Província da Bahia. Casou-se com Isidoro Antonio Neri, enviuvando aos 30 anos. Seus dois filhos, um médico militar e um oficial do exército, são convocados a servir a Pátria durante a Guerra do Paraguai (1864-1870), sob a presidência de Solano Lopes.
O mais jovem, aluno do 6º ano de Medicina, oferece seus serviços médicos em prol dos brasileiros. Ana Neri não resiste à separação da família e escreve ao Presidente da Província, colocando-se à disposição de sua Pátria.
Em 15 de agosto parte para os campos de batalha, onde dois de seus irmãos também lutavam. Improvisa hospitais e não mede esforços no atendimento aos feridos. Após cinco anos, retorna ao Brasil, é acolhida com carinho e louvor, recebe uma coroa de louros e Victor Meireles pinta sua imagem, que é colocada no Edifício do Paço Municipal.

O governo Imperial lhe concede uma pensão, além de medalhas humanitárias e de campanha. Faleceu no Rio de Janeiro a 20 de maio de 1880. A primeira Escola de Enfermagem fundada no Brasil recebeu o seu nome. Ana Neri como Florence Nightingale, rompeu com os preconceitos da época que faziam da mulher prisioneira do lar.

Assistentes Sociais comemorarão seu Dia
Registro- Os Assistentes Sociais do Vale do Ribeira irão comemorar o seu Dia na quinta-feira 15, com um almoço especial de confraternização e uma reunião de trabalho no período da tarde, na sede da Departamento Regional de Saúde (DRS- XII). A comemoração é organizada pela Comissão Regional da categoria, em parceria com o Conselho Regional de Assistentes Sociais, e apoio da DRS-XII e o doConsaúde.