Vale do Ribeira ganhará dois novos hospitais

Conselho de Prefeitos do CONSAÚDE aprovou por unanimidade proposta de investimento por parte do Governo do Estado

reuniaohospitais

Conselho de Prefeitos do CONSAÚDE analisou e aprovou por unanimidade proposta da Secretaria de Estado de Saúde.

Em se tratando de saúde pública, a região do Vale do Ribeira sempre lutou pela autossuficiência regional neste setor, tanto no que diz respeito as suas estruturas quanto no quesito recursos humanos.

No dia 20 de fevereiro, em Pariquera-Açu, foi apresentado ao Conselho de Prefeitos do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ribeira a proposta de construção de dois novos hospitais na região: um de média complexidade, em Pariquera-Açu, e outro de alta complexidade, no município de Registro – unidades classificadas como de Alta Complexidade, segundo o Sistema Único de Saúde (SUS), tem por característica realizar procedimentos que envolvem alta tecnologia e alto custo, objetivando propiciar à população acesso a serviços qualificados.

O encontro foi presidido pelo atual presidente do Consórcio, o prefeito de Pedro de Toledo, Sérgio Myashiro, que trouxe a proposta para debate entre os prefeitos e representantes municipais presentes. Amplamente debatidos e analisados, ambos os projetos foram aprovados por unanimidade. Paralelamente foi discutida a possibilidade de implantação de um curso de medicina com residência médica na região, através da UNESP, cujo grande objetivo será formar recursos humanos para atender a demanda originada pela construção das duas novas unidades hospitalares, propiciando também a fixação de novos profissionais médicos na região.

A iniciativa do governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Saúde (S.E.S), vai permitir que o Vale do Ribeira e regiões próximas possam ser atendidas de forma completa em todos os níveis, diminuindo o deslocamento e os gastos com o transporte de pacientes. A regionalização da saúde de forma plena é um sonho antigo de lideranças e habitantes da região.

O deputado estadual e líder do governo na Assembleia Legislativa, Samuel Moreira, que tem acompanhado os projetos desde seu início destaca que os esforços do Conselho de Prefeitos do CONSAÚDE, do legislativo e do Executivo resultaram num ganho sem precedentes para a região:

“A construção do hospital em Registro vai somar-se à melhoria e fortalecimento de toda a infraestrutura (técnica e de recursos humanos) do Hospital Regional, garantindo a ampliação dos serviços prestados à população”, afirma o deputado.

Em Pariquera-Açu, as atuais dependências do Hospital Regional Dr. Leopoldo Bevilacqua serão ampliadas, assim como um novo hospital será construído no local. Além da crescente demanda regional por atendimentos, soma-se o aumento no fluxo de pacientes que será originado pelos atendimentos realizados no Ambulatório Médico de Especialidades (AME) e Rede Lucy Montoro, que estão com as obras em fase de conclusão. Devido a estes fatos, tornou-se fundamental investir na construção de uma nova unidade hospitalar regional de média complexidade.

Para a diretora superintendente do Consórcio, Maria Cármen Amarante Botelho, é um momento ímpar na história do Vale do Ribeira. “É um marco não somente para nossa região como para todo o Estado. Se trata da organização da regionalização na saúde de forma concreta, o que tem sido apontado pela Secretaria de Estado da Saúde como objetivo principal em sua atual gestão. O Vale do Ribeira além de se tornar autossuficiente no atendimento a essa demanda, será também uma referência no setor para todo estado de São Paulo.”

Em reunião com o secretário estadual de Saúde no dia 18 de janeiro, o prefeito de Registro/SP, Gilson Fantin, colocou o município à disposição para a construção do hospital de alta complexidade, inclusive com a doação de um terreno para a unidade. “Visualizamos a oportunidade de colocar Registro e o Vale do Ribeira como referência em saúde pública. Só o município gasta R$ 1 milhão por ano com o transporte de pacientes para outras cidades. São pessoas penalizadas pela distância, que têm o sofrimento aumentado ao terem que se deslocar para receber um tratamento adequado”, explica o prefeito. “Os esforços dos prefeitos, do deputado Samuel Moreira, secretaria e governo do Estado resultaram numa conquista fundamental para melhorar as condições de saúde da população do Vale do Ribeira”, ressalta Gilson.

Segundo o presidente do CONSAÚDE, o prefeito de Pedro de Toledo Sérgio Myashiro, “o esforço de todas as partes foi fundamental para a concretização de mais uma conquista regional. Estamos trabalhando de forma integrada com o Estado, Departamento Regional de Saúde, prefeitos, lideranças e o deputado estadual Samuel Moreira.”

O hospital em Registro será referência na região, assim como o de Pariquera-Açu, porém também atenderá pacientes transferidos de outras regiões, integrando ainda mais o Vale do Ribeira a todo o sistema público de saúde estadual.

Agora, o próximo passo será o envio a S.E.S. do documento formal com a aprovação da proposta por parte do Conselho de Prefeitos do CONSAÚDE, que dará então prosseguimento aos projetos de construção dos dois novos hospitais para o Vale do Ribeira.

Estiveram presentes na reunião os prefeitos das cidades Pedro de Toledo e Presidente do CONSAÚDE (Sérgio Miyashiro), Registro (Gilson Fantin), Barra do Turvo (Henrique da Mota), Ilha Comprida (Décio Ventura), Itariri (Rejane Maria), Apiaí (Ari Osmar Kinor), Pariquera-Açu (José Carlos Silva Pinto), Sete Barras (Ademir Kabata), prefeito e vice-presidente do CONSAÚDE), Itaóca (Rafael Camargo), Iguape (Joaquim Antonio Coutinho) e Eldorado (Eduardo Fouquet). As prefeituras de ItanhaémJuquiá, Cajati e Cananéia enviaram representantes.