Vale do Ribeira recebe novos investimentos do Governo do Estado para a saúde

Através da Secretaria de Estado da Saúde foram confirmadas: a reforma e ampliação do Hospital Regional Dr. Leopoldo Bevilacqua, a chegada de alunos para residência em diversas áreas, a construção do Hospital de alta complexidade em Registro/SP e de 15 UBS, uma para cada cidade,na região sob gerenciamento do Departamento Regional de Saúde de Registro (DRS XII), e a implantação de dois CAPS, um em Jacupiranga outro em Juquiá.

As novidades foram anunciadas pelo próprio governador Geraldo Alckmin, dia 12 de abril, durante a inauguração do Poupatempo no município de Registro, sendo reafirmada logo após pelo próprio secretário de Estado da Saúde, David Uip. Serão investidos R$ 25 milhões para a reforma e ampliação do HRLB/CONSAÚDE. Já o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) investirá mais R$ 200 milhões na construção de um hospital de alta complexidade, 15 UBS’s, dois CAPS e novos recursos humanos para a região.

Investimentos junto ao Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Ribeira

No início de sua fala Alckmin anunciou as mais de 300 pessoas presentes, entre eles o presidente da ALESP, o deputado estadual Samuel Moreira, prefeitos, vereadores, representantes regionais de inúmeros setores e convidados: “ (…) no município de Pariquera-Açu, em dez dias assinamos o contrato para a reforma completa do Hospital Regional, R$ 25 milhões, para ser investido. Até junho inaugurado o AME e a Rede Lucy Montoro, para atender as pessoas com deficiência e mobilidade reduzida. Em maio vamos assinar o contrato de obra do novo hospital de Registro (…).”

Fora os investimentos em Infraestrutura, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), a Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) e o Hospital das Clínicas assinaram, dia 12 de abril, um acordo para atuarem conjuntamente na saúde pública do Vale do Ribeira – o Secretário de Saúde David UIP e o representante da FMUSP, o professor Marcos Boulos, representaram as duas partes, confirmado a parceria para a prestação deste auxílio ao Vale do Ribeira.

De acordo com o diretor superintendente do CONSAÚDE, José Antônio Antosczezem, “(a chegada da faculdade vai aprimorar a saúde em todas as suas áreas em nossa região e tornar o atendimento ainda mais qualificado, unindo acolhimento com o que tem de mais moderno em questão de saúde pública.”

A iniciativa remonta à década de 80 quando o HRLB recebeu residentes médicos para atuarem na unidade. Desta vez, serão desenvolvidos diversos projetos e programas de ensino, incluindo a própria Residência Médica na região, pesquisa, extensão e gestão.

Segundo a SES, os investimentos serão feitos pelo BID e terão a gestão da FMUSP. Primeiramente a ideia é de que o programa terá início com 20 residentes do HC que atuarão no Vale. Serão incluídos no programa: medicina comunitária, clínica médica, cirúrgica, pediátrica e gineco-obstetrícia. Vale lembrar que a formação, com apoio da faculdade, será multidisciplinar, agregando além de medicina, ensino técnico de radiologia, enfermagem, terapeuta ocupacionais, entre outras áreas.

O presidente do CONSAÚDE e prefeito de Pedro de Toledo, Sérgio Miyashiro, chamou atenção para a nova fase da saúde na região, com a união de todos os órgãos do setor trabalhando em conjunto em prol da população. “Todos desejamos o melhor no que diz respeito à saúde do Vale: o Estado, a SES, o DRS XII, o CONSAÚDE e seus trabalhadores. Os recursos em infraestrutura e a chegada de novos  recursos humanos de diversas áreas vão somar qualidade à saúde e aprimorar os conhecimentos do segmento na região.”