Semana de Enfermagem 2016 homenageia enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem

13239165_261505460869034_2969930758726765190_n

A Semana de Enfermagem 2016, que envolveu enfermeiros, auxiliares e técnicos de enfermagem do HRLB e SIMOV, foi um grande sucesso. O evento ocorreu nos dias 17 e 18 de maio, no auditório do CONSAÚDE, com o objetivo de homenagear o Dia do Enfermeiro, 12 de maio e Dia do Auxiliar e Técnico de Enfermagem, 20 de maio.

Na programação da Semana houve palestras, atividades e um café da tarde, que garantiram momentos de aprendizado e troca de experiências entre os participantes. Os temas abordados estiveram envolvidos com o trabalho do profissional de enfermagem, humanização, Influenza e a importância da higienização das mães.

No dia 17, a diretoria do CONSAÚDE realizou a abertura da Semana. O diretor-superintendente José Antonio Antosczezem deu as boas vindas aos participantes. Na sequência de palestras, a enfermeira do SIMOV Jenny Arcentales Herrera, abordou o tema “Segurança do Paciente: Aspectos legais”. As enfermeiras Soely Petruf Techi, coordenadora da Maternidade do HRLB, Priscila Assis Rangel, responsável pela Casa da Gestante, Bebê e Puérpera e Vera Lisboa Collaço, coordenadora da UTI Neonatal, realizaram a “Apresentação do Complexo Materno Infantil do HRLB”.

No dia 18, a enfermeira da UNISEPE, Débora Farah, falou sobre “Processo Saúde e Doença”, demonstrando a importância da humanização no trato com os pacientes.

O Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH) realizou uma explanação sobre o CCIH, que é a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar e o trabalho que é desenvolvido. Na ocasião, foram explicadas o que é infecção hospitalar, infecção comunitária e recomendações do SCIH para evitar infecções. A palestra ficou a cargo dos membros da Comissão, enfermeira Valdirene Cardoso e o auxiliar de enfermagem Junior Muniz.

O médico infectologista Dr. Arnaldo Zardo D’Amore, do SCIH, e o enfermeiro Renan Augusto Ramos, do Núcleo Hospitalar de Epidemiologia, falaram sobre Influenza, em especial o H1N1. O enfermeiro Renan abordou os números de casos notificados e confirmados, um panorama geral da doença no país e a importância da vacinação para os grupos de risco. Dr. Arnaldo explicou os tipos mais graves de Influenza, o H1N1 e H3N2. O médico falou das diferenças entre síndrome gripal e síndrome respiratória aguda e das condutas que devem ser adotadas junto aos pacientes.

A fisioterapeuta Erli Rossini fechou a programação abordando a importância da higienização das mãos com a apresentação de uma música e coreografia. Durante a dança, profissionais do HRLB ensinaram aos participantes o modo de lavar as mãos. A música foi apresentada durante a Semana com o papel de auxiliar no aprendizado da correta higienização das mãos.

Ao final de cada dia, foi organizado um café especial com o objetivo de integrar os profissionais. Foram momentos de aprendizado e descontração, para prestigiar enfermeiros, auxiliares e técnicos do HRLB e SIMOV, que dedicam-se incansavelmente aos pacientes do Vale do Ribeira.